Blog

As patinhas dos Cães Sweet Friend

As patinhas dos cães

As patas dos cachorros é uma das parte mais resistente de seu corpo por seus coxins serem ásperos e grossos, para o seu cachorro ter uma saúde boa é necessário vários cuidados, principalmente com suas patinhas, pois são elas que permitem que os dogs corram, pulem e brinquem muito. Muitos dos donos não dão devida atenção para as patinhas de seus cachorros e isso pode ocasionar alguns problemas.

Cuidados com as patinhas:

Unhas

 E sempre bom conferir se as unhas de seu cachorro não estão grandes, pois com as unhas grandes eles podem acabar se ferindo ou machucando outras pessoas, além de escorregarem ou até mesmo atrapalhar o dog a andar. As unhas dos cães é uma área que deve ser cortadas regularmente para evitar esses tipos de problemas.

• Como cortar: Você mesmo pode cortar as unhas de seus cachorro, para fazer o corte você precisa de uma tesoura ou alicate específico para cachorros, é muito importante prestar atenção, se a unha do seu cão for clara é possível visualizar os vasos sanguíneos no meio da unha isso facilita na hora de cortar, mas caso a unha de seu cão for escura o melhor a se fazer é ir cortando ao poucos sempre tomando cuidado para não machucar seu amigo, caso não se sinta seguro para realizar o corte das unhas o recomendável é você levar seu cão a um pet shop ou veterinário.

Excesso de pelos

Se você tem cachorro de pelos médios ou longos, vai perceber que há pelos debaixo de suas patinhas, que é preciso ser aparados de tempos em tempos. Os pelos das patinhas podem dificultar a caminhada do cãozinho fazendo-o escorregar, pode acumular sujeiras, e até mesmo a proliferação de parasitas como carrapatos.

• Use uma tesoura sempre que for necessário aparar os pelos, mantendo muito cuidado para não machucá-lo.

Lambedura

Situações de estresse ou ansiedade em excesso podem fazer com que o seu cão crie o hábito de morder ou lamber a própria pata como forma de “alívio”. Isso pode acabar provocando machucados na região, e com a umidade do local pode ocasionar proliferações de fungos e outros microrganismos.

• Importante sempre checar a pata de seu amigo com frequência pra evitar e impedir que os problemas cresçam.

Passeio

 Evite de passear com seu cão em dias que o sol está muito quente, pois como suas patinhas vão estar em contato com o solo quente pode ocasionar sérias queimaduras e bolhas.

• É recomendável sempre passar com seu cão em horários que o sol não esteja tão quente, como de manhã até as 10h e de noite.