Blog

Dicas de como faturar com o seu Pet Shop em tempos de Pandemia Sweet Friend

Dicas de como faturar com o seu Pet Shop em tempos de pandemia

Vendas de produtos pela internet: 

Utilize a internet para vender seus produtos, crie um site para o seu pet shop, o site vai ser como uma vitrine de sua loja, ele facilita muito a comunicação com os cliente e a transmissão de valores dos produtos da empresa para os clientes.

• Registro de domínio:
Ele é o ponto inicial da construção de um site, o registro de domínio é o nome que você iria dar ao seu site, em geral, as empresas utilizam o próprio nome para dar ao site. Dessa forma, transmitem maior confiança para o cliente que vai ter certeza que está no local correto. Esse registro de domínio pode ser feito no site https://registro.br/ . 

• Escolha a plataforma para o seu site:
A escolha da plataforma vai influenciar em diversos aspectos técnicos e funcionais do seu site. Plataformas gratuitas são limitas, além de não garantirem segurança, podem cair com picos de acessos de usuários, e também conter outras restrições. Então pense bem ao escolher uma plataforma.  

• Informações que deve conter no seu site:
 É importante que seu site contenha informações importantes sobre sua empresa, por exemplo contar a história da empresa, informa sobre produtos e serviços oferecidos, colocar algumas conquista também é interessante, e claro ter informações de contato.

• Informações sobre o produto:
E bom caprichar nas descrições dos produtos, pois em um site não vai ter um vendedor auxiliando o cliente na escolha do produto, então a descrição do produto é algo importante que vai influenciar muito o cliente a comprar ou não aquilo.

Divulgação:

Divulgue o seu site em redes socias como por exemplo, Facebook, Whatsapp, Instragram, até mesmo em grupo de famílias e amigos, para que alcance um número maior de pessoas.

Delivery:

Nesses tempos o delivery é indispensável, com motoboys você pode oferecer aos seus clientes entrega a domicilio de produtos, rações, acessórios, entre outras coisa, sem que ele precise sair de casa. 

• Comece fazendo entrega apenas na região de seu estabelecimento, se dê certo e que você conseguir lidar com o serviço de delivery, você pode investir para que esse serviço cresça mais e mais.

• Com o serviço de delivery você passa segurança ao seu cliente para que ele tenha um motivo a menos para sair de casa.

Horário marcado:

Atenda com horário marcado no pet shop, e adquira o sistema leve atrás, onde o pet shop busca o animal realiza o serviço e depois leva de volta. Esse sistema é muito bom porque assim você evita o máximo contato com as pessoas.

Acompanhamento em casa:

Ofereça acompanhamento domiciliar se o animalzinho tiver com algum problema, ou precisar tomar as primeiras vacina, mas lembre-se sempre usar máscara e não ficar muito próximo do proprietário do animal.

• Filhotes por terem que tomarem as vacinas, é mais recomendável que você vá até a casa do cliente para aplicar, pois os filhotes quando nascem fica muito exposto a doença pois a sua imunidade não é alta.

• Cachorros idosos por exemplo você pode optar para dar o banho na casa do proprietário mesmo, pois por causa da idade do cachorro o banho pode ser mais estressante do que o normal.

Abusar das redes sociais:

É recomendável que seu pet shop esteja online das redes socias, porque é por lá que você irá poder divulgar seus produtos e serviços. As rede socias vão ajudar muito para que você esteja sempre em contato com os seus clientes.

• É sempre bom alguém estar de olho nas redes socias da empresa, pois as redes sociais é o meio mais fácil dos cliente se comunicar ou tirar alguma dúvida, então com alguém sempre disponível nas redes sociais da empesa vai passar uma imagem que a empresa é ágil e isso é um ponto a mais com aquela pessoa que possa vir a ser um cliente.

• Sempre atualizar informações, postar sempre fotos de produtos, interagir com o público (deixando uma caixa de perguntas pra que eles possam tirar dúvidas frequentes).